Luz.com.: 2016

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

PREGAÇÃO AOS ESPÍRITOS EM PRISÃO E BATISMO PELOS MORTOS: QUAL É A VERDADE BÍBLICA?








1-QUEM SÃO OS ESPÍRITOS EM PRISÃO PARA OS QUAIS JESUS PREGOU? (I PEDRO 3:18-21).
 Ao lermos  o  capitulo 3 do verso 18 ao 21 podemos perceber que esses espíritos em prisão  eram os Homens antes do diluvio que estavam “presos” pelas cadeias do pecado (Provérbios 5:22). Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;
No qual também foi, e pregou aos espíritos em prisão;
Os quais noutro tempo foram rebeldes, quando a longanimidade de Deus esperava nos dias de Noé, enquanto se preparava a arca; na qual poucas (isto é, oito) almas se salvaram pela água;
Que também, como uma verdadeira figura, agora vos salva, o batismo, não do despojamento da imundícia da carne, mas da indagação de uma boa consciência para com Deus, pela ressurreição de Jesus Cristo;
1 Pedro 3:18-21
(Vemos que fica claro que o capitulo se refere  a pregação feita aos homens  presos nas cadeias do pecado a  Bíblia usa o termo “espírito em referência a pessoas vivas como pode ser visto em: 1 Cor. 16:18, Gál. 6:18 “e Heb. 12:22 e 23)
2- ESTARIA ESSA PASSAGEM ENSINANDO QUE JESUS EVANGELIZOU O INFERNO?
Não  a interpretação equivocada da esta impressão  a oportunidade de salvação só existe nessa vida como pode ser visto em: 2 Coríntios 6:1, 2; E nós, cooperando também com ele, vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão
(Porque diz:Ouvi-te em tempo aceitável e socorri-te no dia da salvação;eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação).
 Hebreus 3:13: 13 Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado,
3- O TEXTO TAMBÉM FALA EM BATISMO PELOS QUE JÁ MORRERAM. PODEMOS REALIZAR NOS DIAS DE HOJE ESTE TIPO DE BATISMO?
Batismo pelos mortos não é citado em nenhum lugar da Bíblia alem disso  2-Co 6,1e2  deixa claro que  o dia da salvação é o aqui e agora bem como em :Eclesiastes 9:5-6, 10
4- PREGAÇÃO AOS ESPÍRITOS EM PRISÃO E BATISMO PELOS MORTOS: QUAL É A VERDADE BÍBLICA E QUAL É A SUA OPINIÃO A RESPEITO?
O meu entender sobre esta questão é que quando  se fala em pregação aos espíritos serefere a pessoas presas no pecado, A Bíblia é clara na questão de que  asalvação vem pelo Crer como esta escrito : Marcos 16,16 “Aquele que crer e for batizado será salvo. Todavia, quem não crer será condenado!”
 Atos 2:38). Somos salvos pela graça mediante a fé, não por obras (Ef 2:8-9; Tt 3:5-7; Rm 4:5). Além disso, nada podemos fazer para obter a salvação para outra pessoa. Cada um tem de pessoalmente crer (Jo 1:12). Cada pessoa tem de fazer a sua livre escolha (Mt 23:37; 2 Fe 3:9).
Sendo assim sabemos que não podemos crer por ninguém  logo essa   doutrina de BATISMO PELOS MORTOS não passa de uma interpretação equivocada
Pois ali o apostolo estava fazendo uma defesa de sua fé na ressurreição como pode se perceber nos versos: 1 Coríntios 15,17 E, se Cristo não ressuscitou, é vã a vossa fé, e ainda permaneceis nos vossos pecados.
52 Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.
53 Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade.
54 E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória.
55 Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Onde está, ó inferno, a tua vitória?
56 Ora, o aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei.
57 Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo.
58 Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.
Concluindo devemos lembrar dos versos 33 e 34 do mesmo capitulo para que ninguém venha a nos confundir .              João C laudioBueno 29/12/2016


terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Yeshua Hamashia ou Jesus Cristo qual seria o verdadeiro nome do Salvador?


Yeshua Hamashia ou Jesus Cristo  qual seria o verdadeiro nome do Salvador

Bom dia na paz do Senhor Jesus Cristo  para  esclarecer quais quer duvidas quanto ao  significado da palavra :Yeshua Hamashia  que também pode ser escrito em hebraico, que é a língua sagrada dos judeus, a grafia é exatamente a mesma do aramaico. O nome Yeshua é escrito também como Yehoshua, traduzido em português.

 Os nomes Yeshua Hamashia também pode ser escrito como Yeshua Meshiach. Yeshua Hamashia significa Jesus Cristo, o Messias.
É um termo em aramaico, que era a língua falada por Jesus que deu origem a diversos idiomas falados até hoje.

Temos conhecimento de  alguns movimentos, como os Testemunhas de Yehoshua (além de outros), que alegam que  o nome do Messias. Não  é Jesus  e que todos os que buscam salvação em Jesus não a obteram pois o salvador é Yeshua Hamashiach ישוע המשיח.
Vamos  analizar  o significado e origem destes nomes:

YEHOSHUA(יהושע) Josué, e é o nome completo de Jesus, Yeshua Hamashiach ישוע המשיח (transliterado ao grego Yeshua fica: Ιησου'α, "Iesua"/"Ieshua" [também Ιησου'ς, "Iesu' "/"Ieshu' "/"Iesus"]; Yehoshua [יהושוע/ יְהוֹשֻׁעַ‎] fica: Γεχοσούαχ) (em árabe Yeshua fica: يسوع "Yesu' "/"Yesua"/"Yasu' "/"Yasua"/"Yashua"; Yehoshua fica: يوشع "Yeusha"/"Y'usha"/"Yusha"/"Yush'a"/"Yushua"/"Y'ushua").

 É histórica e arqueologicamente comprovado que o nome do Messias não é "Yaohushua", "Yehoshua", mas sim, "Yeshua". Obs: "sh" faz som de "x".

Em outras palavras: o nome original, de berço, do nosso Messias é Yeshua mesmo. "Yehoshua" é Josué em hebraico. Mas, após o cativeiro babilônico, o nome "Yehoshua" foi compactado para a forma "Yeshua" (é interessante que Yeshuá [com h no final] em hebraico significa "salvação". Quanto à raiz, Yeshua é de origem aramaica, mas foi absorvida pela língua hebraica. 

Por conseguinte, na língua hebraica o Nome do Messias é Yeshua). Isto pode ser visto claramente em qualquer exemplar do "Antigo Testamento" em hebraico nas seguintes passagens: Nechemyah (Neemias) 7:7; 10:9, etc.

Mesmas está escrito "Jesua", mas no original está Yeshua. Sem sombra de dúvida, Yeshua foi o nome dado ao nosso Messias conforme Matityáhu (Mateus) 1:16 e Lucas 2:21. 

Lembre-se de que Miriam (Maria) não falava grego e tampouco Gabriel conversou com ela em grego a respeito.

O hebraico é uma língua que se caracteriza por "trocadilhos". Já com o próprio nome do Messias, constatamos isto: "Ve hí iolédet ben vecaráta et shmô YESHUA, ki HU YOSHÍA et amô" - "E ela (Miriam) conceberá um filho e chamará seu nome YESHUA, porque ELE SALVARÁ o seu povo" (Matityáhu - Mateus 1:21).

Existem também provas arqueológicas. Por exemplo: O nome YESHUA aparece num documento do uádi Murrabbat; ele aparece na linha 4. Cf. Inscriptions Reveal, Museu de Israel, Jerusalém, nº 100, 1972, nº 193.

O fato de falar "Jesus" não leva ninguém a perder a vida a salvação. Quantas pessoas não foram  curadas e receberam bênçãos  com esse nome?

É  verdade que o nome do Messias não é "Jesus"pois vemos  que o  nome dado pelo mensageiro Gabriel a Maria (do nome hebraico מרים, transl. Miriam )para ser colocado no Messias é YESHUA.

 Mas, sabemos s que quando os cristãos falam "Jesus", estão se referindo unica e exclusivamente  ao Messias de Israel e não a outro deus muito menos a um deus cavalo! embora este não seja Seu Nome original. 

 Sabemos também que  nossos  irmãos Japoneses  o chamam :
 Iesu kirisuto Jesus Cristo – (イエス) キリスト),

Os chineses o chamam :
Yēsū jīdū   (耶穌基督)

Os Arabes o Chamam : yaswe kryst(يسوع كريستو)

Como vemos em cada nação se pronuncia de forma diferente mas a intenção do coração do individuo  é  louvar e engrandecer ao todo poderoso único e suficiente Salvador que  pode nos Dara salvação  como ele mesmo nos afirmou em : 

João 14:6.
“Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim”

Por isso esta escrito :

13“E ouvi toda a criatura no céu, na terra, no mar, e todos os seres que vivem proclamarem: “Aquele que esta sentado no trono e ao Cordeiro pertencem o louvor, a honra, a glória e o domínio pelos séculos dos séculos!”(Apocalipse 5,13).

Meus irmãos, não tenhais a fé de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor da glória, em acepção de pessoas.Tiago 2:1

Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco, as quais devo da mesma maneira trazer; elas ouvirão minha voz, e haverá um só rebanho e um só pastor. João 10,16
  

Conclusão 

Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.
O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.1 Timóteo 2:5,6

Seja na língua que for escrito e traduzido por quantas civilizações for sabemos que o nosso redentor é o unigênito filho do Deus altíssimo o  Deus que se fez homem para nos mostrar que podemos vencer o mau. Aquele que rasgou o véu que nos separava de Deus
Que Deus venha falar melhor em cada coração e que a gloriosa paz que só ele pode nos dar repousem em cada um de nós.

Fonte:


sábado, 17 de dezembro de 2016



“O amor seja sem hipocrisia



  •  O amor seja sem hipocrisia. Detestai o mal, apegando-vos ao bem.” (Romanos 12.9) “Que o amor seja, etc”. Passando agora a falar de funções específicas, o apóstolo Paulo começa, apropriadamente, com o amor, que é o vínculo da perfeição.
  •  E em relação a isso, ele ordena o que é especialmente necessário, para que todos os disfarces sejam postos de lado, de modo que o amor surja a partir de uma pura sinceridade de espírito.
  •  É realmente difícil expressar quão ingênuos são quase todos os homens ao fingirem um amor que eles realmente não têm, pois não somente enganam os outros, como também persuadem a si mesmos, enquanto se convencem de que aqueles que não são amados fraternalmente por eles, a quem eles não apenas negligenciam, mas que realmente desprezam.
  •  Por isso Paulo declara aqui, que o amor é somente aquele que é livre de toda dissimulação. E qualquer um pode facilmente ser um testemunho de si mesmo, se ele tem alguma coisa no recôndito de seu coração que se opõe ao amor. 
  • As palavras “mal” e “bem”, que seguem imediatamente no contexto, não têm aqui um sentido geral; senão que o mal é para ser interpretado como aquela maldade maliciosa através da qual os homens são injuriados; e o bem como aquela bondade, pela qual a ajuda é prestada a eles; e há aqui uma antítese habitual que encontramos nas Escrituras, quando os vícios são primeiramente proibidos e, em seguida, as virtudes são recomendadas. 2 Quanto ao imperativo, ἀ ποστυγούντες, não tenho seguido nem Erasmo nem os antigos tradutores, que têm interpretado “odiar” (odio habentes),
  •  Porque no meu entendimento Paulo teve a intenção de expressar algo mais; e dar ao termo o significado “se afastando”, (do mal) porque corresponde melhor à frase imediatamente oposta; pela qual ele não somente nos manda exercer bondade, como também se apegar a ela. Texto de João Calvino, traduzido e adaptado por Silvio Dutra.

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

JUDAS ISCARIOTES UM TRAIDOR PREDESTINADO OU UM SERVO DE SATANÁS POR SEU PRÓPRIO LIVRE ARBÍTRIO?





COMO PODEMOS EXPLICAR TEOLOGICAMENTE O PAPEL DE JUDAS NA HISTÓRIA DA REDENÇÃO?
 ELE FOI OBRIGADO PELA SOBERANIA DE DEUS PARA FAZER O QUE FEZ OU ELE PODERIA NÃO TER SIDO O TRAIDOR SE ASSIM O DESEJASSE?
 E SE JUDAS NÃO TIVESSE TRAÍDO JESUS COMO HAVERIA A REDENÇÃO?
É POSSÍVEL QUE ENTRE OS 12 APÓSTOLOS HOUVESSE UM APÓSTOLO DE SATANÁS OU A VIDA DE JUDAS JUSTIFICA A TEORIA CALVINISTA DETERMINISTA DA DUPLA PREDESTINAÇÃO?

Bom essa serie de perguntas já deve ter passado pela cabeça de todos os cristãos  não é mesmo?
então vamos  analisar o seguinte :

Ele foi um dos 12 apóstolos que Jesus escolheu para O acompanhar na pregação do Evangelho
 Além disso,  Judas ficou encarregado de guardar a bolsa que continha o dinheiro usado para as despesas do grupo. Algumas pessoas podem se perguntar o motivo de Jesus ter escolhido alguém com caráter corrompido e que ainda O trairia mais a  frente.

Jesus  conhecia as intenções do coração de cada apóstolo, mas tudo o que ocorreu foi para que as Escrituras se cumprissem (leia Atos 1.16,17). A má conduta de Judas nos mostra algumas situações que podem nos ajudar a sermos cristãos melhores hoje.

O ladrão vem para matar roubar e destruir .

Judas andava lado a lado com o próprio Deus, em forma de homem. Tinha uma posição de confiança  e responsabilidade no  grupo de Jesus, mas continha algo que o dominava:
 O amor ao dinheiro. Quando Maria tomou um perfume valiosíssimo e derramou nos pés de Jesus, Judas se revoltou, considerando que aquele ato era um desperdício: “Porque não se vendeu este perfume por trezentos denários e não se deu aos pobres?” João 12.5

A reação de Judas não era uma preocupação com os pobres e sim “porque era ambicioso ” (João 12.6).

Assim como os demais discípulos, Judas foi muito amado por Jesus. Teve as mesmas oportunidades de crescer espiritualmente, de saber mais sobre o Reino de Deus, de receber o Espírito de Deus e ser salvo. No entanto, 30 moedas de prata foram suficientes para que ele entregasse o seu próprio Salvador.

   Judas não estava predestinado  a nada  ele simplesmente foi tentado  a trair por ocasião de sua ganancia  e quando viu o mau que fizera já não podia mais  suportar o peso do remorso por isso se  suicidou                      
 Em João 13.2 é mencionado que durante a ceia ou enquanto tomava a ceia, Satanás já havia colocado no coração de Judas que ele deveria trair Jesus.
 A semente da traição já havia sido plantada no coração de Judas.
 Satanás instigou Judas a trair Jesus tomando ocasião pelas suas próprias inclinações pecaminosas, isto é, o egoísmo e o amor ao dinheiro (Jo 12.3-6; 1 Tm 6.9-10).

 Ainda hoje muitos se deixam levar pelas ciladas de satanás,são alimentados  com sentimentos mesquinhos que os levam ao erro e muitas vezes erros sem volta  .                      

 Sabemos que  o diabo esta sempre a espreita  nos observando e vendo os pontos fracos  onde ele  pode nos manipular .

I JOÃO Cap. 2
16 Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não vem do Pai, mas sim do mundo.
17 Ora, o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus, permanece para sempre.

1 Timóteo – Capítulo 1 : 19 -  mantendo fé e boa consciência, porquanto alguns, tendo rejeitado a boa consciência, vieram a naufragar na fé.

Volto a repetir não creio nesse negocio de predestinação  pois se Deus  já tinha tudo predestinado  então em vão seria o sacrifício de Jesus , e Deus seria um ser prepotente que usa sua criação como marionetes ou meras peças de um jogo.
 Creio em um Deus que mesmo conhecendo  o mau que há no coração do ser humano  ainda assim busca dar a chance dele se arrepender por isso não intervem em nossas escolhas.
Se vc analisar todos os 12 tinha um problema a ser tratado,a questão de Judas que era convencido e não convertido.                      
 Quer dizer Judas mudou de opinião mas não mudou de direção                      
 E durante tempo que estiveram juntos  Jesus sempre quis tratar essa área de Judas, assim como Pedro e os demais.

  Pedro ele negou o Senhor e também se arrependeu amargamente como foi Judas,mas ambos decidiram : Judas teve remorso e se suicidou  Pedro se arrependeu e se converteu.

Onde esta o teu tesouro ali estará teu coração. O Coração de Judas estava na libertação sociopolítica e não na espiritual, esperava um rei para livra-los de Roma e não para livra-los do império das trevas..  Conforme esta teu  coração, assim será tuas ações e do coração do homem surgem 13 coisas más que não precisa esforço para brotar c.f. Mc 7:21-23

Imagino o que possa ter passado na cabeça de Judas , deve ter gritado dentro de si mesmo eu o trai agora estou perdido , não posso receber o seu perdão,  estou perdido,  não  tem mais jeito , ele já está preso ele vai morrer, eu o entreguei eu só culpado, sou culpado,  eu sou um traidor. isso deve ter  o levado ao suicídio foi a sua culpa, e remoço,  por ter traído alguém que  lhe ama muito , esqueceu dos seus ensinamentos.
É bem isso que o diabo ainda vem fazendo com muitas pessoas por ai  os induz ao erro alimentando suas paixões e depois traga suas almas  por isso devemos estar vigilantes e resistir as suas armadilhas .
Que Deus venha a falar melhor em cada coração dando o discernimento  para compreender toda boa vontade de Deus para conosco.
Att JC Bueno
Contribuições  Grupo teólogos da Verdade

domingo, 9 de outubro de 2016



Efésios: 4. 1. Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados,

  •  Neste verso vejo que se as nossas vidas forem inconstantes, as pessoas logo pensarão que não há  verdade no cristianismo e que a nossa pregação são apenas belas palavras de encorajamento, mas que não passa disso pois se fosse verdade não viveríamos com tantas variações em nosso proceder . É por isso que o verso acima nos recomenda sermos dignos da vocação que fomos chamados  para que com nosso agir e falar com nosso testemunho diário de vida possamos dar testemunhos da obra de Deus em nosso viver pois sem palavras muitas vezes apenas com os comportamentos do verso abaixo que é:
2. com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,
 Podemos ganhar muitas almas para o reino de Deus.
3. procurando diligentemente guardar a unidade do Espírito no vínculo da paz.

  • Aqui vemos  a recomendação a nos esforçar em sermos um em cristo Jesus,reconhecer a importância desta unidade  colocá-la em pratica e abandonar o  proselitismo religioso que nos afasta da vontade de Deus.Sabemos que  a nossa  esperança é Jesus,sabemos que não somos nada pois ele é tudo em todos
4. Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;
 5. um só Senhor, uma só fé, um só batismo;
Sendo assim não cabe aos filhos de Deus  dividir oque ele uni.  ate porque um exercito dividido não prevalece como vemos em Marcos 3:24
6. um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos.

  • Se ele é por todos e sobre todos porque nos vamos fazer divisão,temos sim diversidade de culturas mas isso não divide  nem deve dividir. 
7. Mas a cada um de nós foi dada a graça conforme a medida do dom de Cristo.
Recebemos de Deus os dons necessários para fazermos a obra .

8. Por isso foi dito: Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro, e deu dons aos homens.
  • Subindo  Jesus levou tudo que nos prendia e nos deu o dom de discernir entre o bem e o mau
  • cabe a nos fazer a escolha .
 9. Ora, isto - ele subiu - que é, senão que também desceu às partes mais baixas da terra?
10. Aquele que desceu é também o mesmo que subiu muito acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas.
  • Ele já cumpriu  o sacrifício por nos e pagou o preço , agora resta a nós reconhecer o preço que foi pago .
11. E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres,
  •  Devemos honrar nosso chamado independente do qual seja todos temos a obrigação de honrar este chamado e fazer jus ao sacrifício feito por nós.


12. tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo.

  •  Nós somos  o corpo de cristo e sendo assim  devemos estar ligados unidos em seu amor devemos orar uns pelos outros assim como Jesus fez por nós em: 

João 17.12- 19,20-26:
Enquanto estava com eles, eu os protegi e os guardei pelo nome que me deste. Nenhum deles se perdeu, a não ser aquele que estava destinado à perdição, para que se cumprisse a Escritura.
"Agora vou para ti, mas digo estas coisas enquanto ainda estou no mundo, para que eles tenham a plenitude da minha alegria.
Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, pois eles não são do mundo, como eu também não sou.
Não rogo que os tires do mundo, mas que os protejas do Maligno.
Eles não são do mundo, como eu também não sou.
Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.
Assim como me enviaste ao mundo, eu os enviei ao mundo.
Em favor deles eu me santifico, para que também eles sejam santificados pela verdade.
“E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão de crer em mim; Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos um. Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim. Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da fundação do mundo. Pai justo, o mundo não te conheceu; mas eu te conheci, e estes conheceram que tu me enviaste a mim. E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.”






  • Vamos atentar verdadeiramente aos ensinos de Jesus Cristo e a sua vontade para nossas vidas e não envergonhar o evangelho,  vamos viver verdadeiramente o Amor com que Jesus nos tem amado e o revelar ao mundo. 


Efésios: 4. 1. Rogo-vos, pois, eu, o preso do Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados,

  •  Neste verso vejo que se as nossas vidas forem inconstantes, as pessoas logo pensarão que não há  verdade no cristianismo e que a nossa pregação são apenas belas palavras de encorajamento, mas que não passa disso pois se fosse verdade não viveríamos com tantas variações em nosso proceder . É por isso que o verso acima nos recomenda sermos dignos da vocação que fomos chamados  para que com nosso agir e falar com nosso testemunho diário de vida possamos dar testemunhos da obra de Deus em nosso viver pois sem palavras muitas vezes apenas com os comportamentos do verso abaixo que é:
2. com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,
 Podemos ganhar muitas almas para o reino de Deus.
3. procurando diligentemente guardar a unidade do Espírito no vínculo da paz.

  • Aqui vemos  a recomendação a nos esforçar em sermos um em cristo Jesus,reconhecer a importância desta unidade  colocá-la em pratica e abandonar o  proselitismo religioso que nos afasta da vontade de Deus.Sabemos que  a nossa  esperança é Jesus,sabemos que não somos nada pois ele é tudo em todos
4. Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;
 5. um só Senhor, uma só fé, um só batismo;
Sendo assim não cabe aos filhos de Deus  dividir oque ele uni.  ate porque um exercito dividido não prevalece como vemos em Marcos 3:24
6. um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos.

  • Se ele é por todos e sobre todos porque nos vamos fazer divisão,temos sim diversidade de culturas mas isso não nos  divide  nem deve dividir. 
7. Mas a cada um de nós foi dada a graça conforme a medida do dom de Cristo.
Recebemos de Deus os dons necessários para fazermos a obra .

8. Por isso foi dito: Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro, e deu dons aos homens.
  • Subindo  Jesus levou tudo que nos prendia e nos deu o dom de discernir entre o bem e o mau
  • cabe a nos fazer a escolha .
 9. Ora, isto - ele subiu - que é, senão que também desceu às partes mais baixas da terra?
10. Aquele que desceu é também o mesmo que subiu muito acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas.
  • Ele já cumpriu  o sacrifício por nos e pagou o preço , agora resta a nós reconhecer o preço que foi pago .
11. E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres,
  •  Devemos honrar nosso chamado independente do qual seja todos temos a obrigação de honrar este chamado e fazer jus ao sacrifício feito por nós.


12. tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo.

  •  Nós somos  o corpo de cristo e sendo assim  devemos estar ligados unidos em seu amor devemos orar uns pelos outros assim como Jesus fez por nós em: 

João 17.12- 19,20-26:
Enquanto estava com eles, eu os protegi e os guardei pelo nome que me deste. Nenhum deles se perdeu, a não ser aquele que estava destinado à perdição, para que se cumprisse a Escritura.
"Agora vou para ti, mas digo estas coisas enquanto ainda estou no mundo, para que eles tenham a plenitude da minha alegria.
Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, pois eles não são do mundo, como eu também não sou.
Não rogo que os tires do mundo, mas que os protejas do Maligno.
Eles não são do mundo, como eu também não sou.
Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.
Assim como me enviaste ao mundo, eu os enviei ao mundo.
Em favor deles eu me santifico, para que também eles sejam santificados pela verdade.
“E não rogo somente por estes, mas também por aqueles que pela tua palavra hão de crer em mim; Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste. E eu dei-lhes a glória que a mim me deste, para que sejam um, como nós somos um. Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, e para que o mundo conheça que tu me enviaste a mim, e que os tens amado a eles como me tens amado a mim. Pai, aqueles que me deste quero que, onde eu estiver, também eles estejam comigo, para que vejam a minha glória que me deste; porque tu me amaste antes da fundação do mundo. Pai justo, o mundo não te conheceu; mas eu te conheci, e estes conheceram que tu me enviaste a mim. E eu lhes fiz conhecer o teu nome, e lho farei conhecer mais, para que o amor com que me tens amado esteja neles, e eu neles esteja.”






  • Vamos atentar verdadeiramente aos ensinos de Jesus Cristo e a sua vontade para nossas vidas e não envergonhar o evangelho,  vamos viver verdadeiramente o Amor com que Jesus nos tem amado e o revelar ao mundo. 

terça-feira, 7 de junho de 2016

É POSSÍVEL AO CRENTE A PERDA DA SUA SALVAÇÃO ?‏


Este é um dos assuntos, entre  outros, que mais causa polêmica entre os Cristãos.
Se analisarmos determinados textos bíblicos, chegamos à conclusão de que é impossível perder a salvação, entretanto, analisando outros textos também se chega à conclusão de que é possível perder a salvação.
Então nos perguntamos estaria a Bíblia se contradizendo a este respeito?
Se fizermos uma análise rigorosa dos textos Bíblicos, veremos que de maneira alguma á contradição!
Pois chegaremos à conclusão de que as duas posições estão corretas, a diferença está na forma de como se pode ou não perder a salvação.
Vamos analisar o texto abaixo:
E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei para conseguir a vida eterna?
E ele disse-lhe: Por que me chamas bom? Não há bom senão um só, que é Deus. Se quiseres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos.
Disse-lhe ele: Quais? E Jesus disse: Não matarás, não cometerás adultério, não furtarás, não dirás falso testemunho;
Honra teu pai e tua mãe, e amarás o teu próximo como a ti mesmo.
Disse-lhe o jovem: Tudo isso tenho guardado desde a minha mocidade; que me falta ainda?
Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me.
E o jovem, ouvindo esta palavra, retirou-se triste, porque possuía muitas propriedades.
Mateus 19:16-22
Vemos no texto acima que o jovem Buscou por Jesus a fim de ser salvo e como o próprio Jesus afirmou: “Todo o que o Pai me dá, virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora.” João 6:37
Muitos se valem deste texto para afirmar que não se perde a salvação porque Jesus disse que nunca lança fora quem o busca, porém é preciso entender que o que realmente Jesus quis dizer é que ele nunca deixa de atender quem o procura.
Todo aquele que o busca para a salvação, jamais é rejeitado por Ele. Jesus nunca virou e nunca virará as costas para ninguém que o busca.
Mas como vimos foi o próprio homem que o abandonou como podemos observar no verso 22 de Mateus 19.
A escritura sempre assegura sobre a necessidade da vigilância.
 “Essa ênfase aponta para a possibilidade de perda de uma condição boa para uma condição desconfortável” conforme observado pelo Pastor Reinaldo Ribeiro
Quando alguém afirma que nas Escrituras não existem textos que demonstram a possibilidade de perda da salvação, está ignorando as diversas exortações e admoestações a respeito da necessidade de se manter no estado de salvação.
Advertências como:
 “Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe que não caia” (1Co.10.12), é um exemplo notável da possibilidade da perda da salvação. A Bíblia também afirma que alguns, “tendo rejeitado a boa consciência, vieram a naufragar na fé.” (1Tm.1.19).
O apóstolo Paulo, na epistola endereçada aos Romanos, no capítulo 11, de forma bem clara, afirma, comparando os crentes a ramos enxertados, que aqueles que estão enxertados na oliveira, podem de acordo com o seu proceder serem arrancados.
O apóstolo Pedro também retrata a possibilidade da perda da salvação narrando exemplos de pessoas que surgiram entre os crentes, chegaram e chegarão a ponto de “renegarem o Soberano Senhor que os resgatou”
“Portanto, se depois de terem escapado das contaminações do mundo mediante o conhecimento do Senhor e Salvador Jesus Cristo, se deixaram enredar de novo e são vencidos.” (1Pe.1.1-20).
Fica claro que afirmar que não existe possibilidade de perda da salvação, é ignorar boa parte dos conselhos e advertências relatados nas Escrituras.
Outro fato importante é que Deus respeita a decisão do homem e não impõe nada sobre ele. Reveja o exemplo já mencionado acima. Aquele homem que buscou a salvação com Jesus não aceitou as condições e voltou para traz. Jesus não o forçou a aceitar as condições por ele imposta.
Isso demonstra que Deus respeita a decisão do homem mesmo que seja uma decisão errada.

É notório o fato de Deus ter criado o homem com o livre arbítrio, ou seja, o homem tem a liberdade de escolha.
Deus deseja que o homem o adore em Espírito e em Verdade, deseja que o homem o adore por vontade própria.
Deus não nos criou  como fantoches para ser manipulados por ele.
É por essa razão que Deus colocou no jardim do Éden uma árvore e proibiu que Adão comesse daquele fruto. O homem precisava ser testado em sua obediência  e fidelidade a Deus como podemos ver em Gênesis 2 ,16 a 25.
A predestinação que eu entendo aqui foi no criar o ser humano (o primeiro casal)
Deus os predestinou a vida eterna e deu autoridade ao homem sobre todas as demais criaturas, e toda geração deste casal então seria predestinada à vida eterna se não fosse um ato de desobediência, Que ao ser praticado condenou toda sua geração.
Se atentarmos para as escrituras perceberá uma semelhança da história narrada no antigo testamento com a do novo quanto aos sacrifícios para a purificação dos pecados do homem como vemos nos versos abaixo:
Gênesis 3:22,23 “Então disse o Senhor Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente”,
“O Senhor Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra de que fora formado”.
Números 6;16 “E o sacerdote os trará perante o Senhor, e sacrificará a sua expiação do pecado, e o seu holocausto”
Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram.
Porque até à lei estava o pecado no mundo, mas o pecado não é imputado, não havendo lei.
No entanto, a morte reinou desde Adão até Moisés, até sobre aqueles que não tinham pecado à semelhança da transgressão de Adão, o qual é a figura daquele que havia de vir.
Mas não é assim o dom gratuito como a ofensa. Porque, se pela ofensa de um morreram muitos, muito mais a graça de Deus, e o dom pela graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou sobre muitos.
E não foi assim o dom como a ofensa, por um só que pecou. Porque o juízo veio de uma só ofensa, na verdade, para condenação, mas o dom gratuito veio de muitas ofensas para justificação.
Porque, se pela ofensa de um só, a morte reinou por esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo.
Pois assim como por uma só ofensa veio o juízo sobre todos os homens para condenação, assim também por um só ato de justiça veio a graça sobre todos os homens para justificação de vida.
Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um, muitos serão feitos justos.
Romanos 5:12-19
É por essa razão que hoje os homens são convidados a receber a Jesus como Senhor e Salvador sem que haja imposição, isso porque cada um tem a liberdade de escolha.
Isso nos explica a grande quantidade de religiões existentes no mundo todo.
Outro fato importante que demonstra o respeito de Deus a decisão do homem e não impõe nada sobre ele podemos observar em:
(Mat. 19:16,21,22)
E eis que, aproximando-se dele um jovem, disse-lhe: Bom Mestre, que bem farei para conseguir a vida eterna?
Jesus respondeu: "Se você quer ser perfeito, vá, venda os seus bens e dê o dinheiro aos pobres, e você terá um tesouro no céu. Depois, venha e siga-me"..
E o jovem, ouvindo esta palavra, retirou-se triste, porque possuía muitas propriedades.
Refletindo no exemplo já mencionado acima. Aquele homem que buscou a salvação com Jesus não aceitou as condições e voltou para traz.
Jesus não o forçou a aceitar as suas condições.
  • Segundo o caro amigo Pastor Huerton Bezerra:é possível perder a salvação conforme os textos abaixo:
 Gálatas 5,16 Digo, porém: andai no Espírito e jamais satisfareis à concupiscência da carne.
17 Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque são opostos entre si; para que não façais o que, porventura, seja do vosso querer.
18 Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais sob a lei.
19 Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia,
20 idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções,
21 invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam.
22 Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade,
23 mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.
24 E os que são de Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e concupiscências.
25 Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito.
Não podemos negar que há neste ponto um encargo para o homem.
  1. Esse encargo é a obediência justamente por não sermos robôs temos que nos aplicar a caminhar no Espírito em obediência.
  2.  Um crente verdadeiro ele pode pecar e até dar motivos para disciplinas, mas estes são como Davi com um coração guiado pelo Espírito que sempre o conduz ao arrependimento.
  3. Isso é recomendado na bíblia Como vemos em:
1 Coríntios 11(28) ,(29) (30) ,(31) (32) Mas, quando julgados, somos disciplinados pelo Senhor, para não sermos condenados com o mundo.
  •  E segundo nosso amado irmão o Pastor Valter é impossível perder a salvação e para compreender isso devemos , atentar para os textos:

1 Pedro: 1. 3. Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua grande misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, 4. Para uma herança incorruptível, incontaminável e imarcescível, reservada nos céus para vós, 5. que pelo poder de Deus sois guardados, mediante a fé, para a salvação que está preparada para se revelar no último tempo; 6. na qual exultais, ainda que agora por um pouco de tempo, sendo necessário, estejais contristados por várias provações, 7. para que a prova da vossa fé, mais preciosa do que o ouro que perece, embora provado pelo fogo, redunde para louvor, glória e honra na revelação de Jesus Cristo; 8. A quem, sem o terdes visto, amais; no qual, sem agora o vedes, mas crendo, exultais com gozo inefável e cheio de glória, 9.
Alcançando o fim da vossa fé, a salvação das vossas almas.
  1. Esse é o plano que Jesus falou e que os apóstolos confirmaram.
  2. Boas partes das confusões em torno disso acabariam se os homens assimilassem o fato de que Deus é o Único Autor da e na salvação.
Conclusão
Concordo plenamente com o ponto de vista do irmão Pastor Valter e também com o Pastor Huerton sem cair em contradição, pois como vemos em: Romanos 5:17
 “ Se pela ofensa de um só Homem , a morte reinou por esse, muito mais os que recebem a abundância da graça, e do dom da justiça, reinarão em vida por um só, Jesus Cristo”
Como vemos o próprio Jesus afirmou em: João 6:37 “Todo o que o Pai me dá, virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora.”
Porem vê um que foi a Jesus, mas quando viu que tinha que renunciar a certas coisas voltou a traz como vimos em: Mat. 19:22
Jesus em nenhum momento o rejeitou, mas foi o próprio homem o abandonou!.
“As pessoas estão se dirigindo às igrejas sem saber exatamente o que  fazer por sua espiritualidade”.
 “Vão dançar, cantar, aplaudir, gritar,  pedir algo,enfim, portando se como meros expectadores, quase sempre falta o elemento principal: a Palavra de Deus”.http://bereianos.blogspot.com.br/2010/12/descobrindo-o-que-e-culto-racional.html

Os que se convertem e caem em pecados e ali permanecem ao meu ver  se converteram apenas superficialmente movidos por mera emoção é como a parábola do semeador , pois a semente tem que germinar e criar raízes ,muitos hoje buscam as Bênçãos de Deus e Não o Deus que os abençoa, buscam curas prosperidades mas não buscam a Salvação e por isso são levados ao erro estão na igreja e não em Cristo.
Que Deus em sua infinita bondade venha a nos dar o discernimento para melhor compreendermos seus ensinos e que seu Santo Espirito nos conduza sempre em retidão.


 Fonte de pesquisas e contribuições:

 Pr  Walter Leal Brasiliense, missionário no Sertão do Piauí  Pela Igreja Batista Deus é Luz

 Pr Huerton Bezerra,Igreja Evangélica dos Irmãos. Cristo é Vida.Belém PA

Pr  Reinaldo Ribeiro Igreja Cristã Protestante. São Luís, Maranhão


Grupo teologos da verdade
.http://bereianos.blogspot.com.br/2010/12/descobrindo-o-que-e-culto-racional.html

http://bibliaportugues.com/

http://www.bibliaonline.com.br

http://www.midiagospel.com.br/

sexta-feira, 27 de maio de 2016

O fim da censura e a consequência para a moral da sociedade brasileira



O fim da censura e a consequência para a moral da sociedade brasileira

O que o pós-modernismo e a cultura atual fez foi revelar a degeneração ética de todos os ramos sociais e artísticos iniciados há muito tempo.

 Esse raciocínio dá origem a uma compreensão mais clara sobre a moralidade que envolve as coisas nesta geração em contraposição às gerações passadas.

Muitos crêem que as condições sociais e as manifestações artísticas do passado proporcionavam um estado mais propício para a estabilidade da vida de um cristão.

Entretanto, o que podemos perceber é que hoje nossa sociedade está cada vez mais distante dos trilhos, como um vagão, que desgovernado caminha rumo ao abismo.

A manifestação intensificada pelo tempo é que expõe a gravidade do momento.

Todas as formas de arte estão em decadência  moral e não é seguro dependermos do passado. “Nunca digas: por que foram os dias passados melhores do que estes? Porque nunca com sabedoria isto perguntaria” (Eclesiastes 7:10).

O problema é que as culturas atuais estão cada vez mais, distanciadas do modelo bíblico-cristão, colocam a identidade do cristão em cheque.

Vivendo nesse mundo, facilmente pode-se ter sua identidade oscilando, ou seja, os muitos discursos e o choque de ideologias podem levar o cristão a uma vida de constante ansiedade e dubiedade.

As molduras de referência ou paradigmas sociais se alteraram porque a sociedade é dinâmica.

Não haveria problema nisso se essas mudanças não interferissem nos inegociáveis princípios divinos.

Porem essa cultura moderna tende a nos distanciar de Deus e separado de Deus, o homem não tem onde se apoiar.

 Se na pós-modernidade só visa o nada, o vazio, a ausência de valores e sentido para a vida, somos levados a questionar todas as ofertas dessa sociedade e pensamos que nada que ela nos oferece é confiável.

As músicas seculares refletem a verdade de seu tempo, onde “os grandes temas das canções são o sexo, o ódio, e uma versão hipócrita do amor fraternal que vai à contramão do que nos ensina o texto de Gálatas 5:16-23



Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis.

Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.

Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, fornicação, impureza, lascívia,

Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,

Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro como já antes vos disse que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.

Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.

Contra estas coisas não há lei.

Gálatas 5:16-23
Vivemos em um tempo em que os valores morais e éticos estão esquecidos.
O que antes era ato obsceno descrito no artigo 233 do Código Penal, torna-se manifestação cultural em praça publica.

Jovens e adolescentes promovem certos bailes conhecido como “fluxo” em plena praça publica com a conivência das autoridades regada a muitas bebidas alcoólicas e outras drogas.

Palavras de baixo calão e apologia ao uso de drogas ,incitação ao crime são temas livres das modernas canções histórias de infidelidade conjugal , prostituição e assassinato são os enredos dos filmes e novelas.

O povo não é muito hábil a lidar com a liberdade  talvez seja por isso que muitos eram a favor da censura  pois apesar de ser um modo de controlar o povo para facilmente ser manipulado pelo governo tinha seu lado de preservar a moral  como vemos no texto abaixo Segundo nota do  http://www.vermelho.org.br/noticia.php?id_noticia=159935
A ditadura militar tentou vetar, ou dificultar, a livre circulação de ideias no Brasil e a censura foi o algoz do cinema, das artes, do jornalismo, da literatura, do teatro e qualquer outra manifestação cultural ou científica. Nada escapava à fúria cortadora dos encarregados, pela ditadura, de impedir o debate no país, e a música foi uma de suas vítimas mais notórias.

Não sou a favor da censura acredito que todos devem ter o direito de expressão dês de que não fira o direito dos demais da pra perceber que já naquela época os músicos não tinham limites  como vemos na capa do LP de Caetano Veloso que em 1973, teve a sua canção “Deus e o Diabo”, vetada por causa do último verso “Dos bofes do meu Brasil”. 

Diante do veto, a gravadora solicitou recurso, foi sugerido pelo censor que o autor substituísse a palavra “bofes”. Mas um segundo censor menciona os versos “o carnaval é invenção do diabo que Deus abençoou” e “Cidade Maravilhosa/ Dos bofes do meu Brasil”, como ofensivos às tradições religiosas. 
Em 1975, o álbum “Jóia” trazia na sua capa Caetano Veloso, sua então mulher Dedé e o filho Moreno, completamente nu, com o desenho de algumas pombas a cobrir-lhe a genitália. Censurada, o álbum foi relançado com uma nova capa, onde restaram apenas as pombas.




Atualmente, a liberdade de expressão é bem tutelada pela Constituição da República Federativa do Brasil2, tendo sua fundamental importância para a construção da democracia no país.

Estamos em um momento da história brasileira, e do mundo todo , em que a toda hora, os meios de comunicação anunciam a necessidade de ter uma comunidade mais justa e integra.

O mundo tem acordado para essa necessidade, alguns países têm demonstrado mais expressivamente enquanto que outros,  permanecem mais lentamente.

 Mas nada acontece sem uma conscientização definida e um empenho dedicado, que nasça no seio da população, como uma necessidade intrínseca. O discurso parece ser o mesmo: agir com ética, usar a cidadania.

A ética e a cidadania é parte da filosofia, ocupando-se como reflexão a respeito dos fundamentos da vida moral e social.

Essa reflexão pode seguir as mais variadas direções, dependendo da concepção de homem que se toma como ponto de partida.

É necessário formamos uma comunidade ética, pois o homem, como qualquer outro ser, busca sua própria perfeição, como requisito da sua própria natureza.

A grande verdade é que os valores das ações humanas estão inscritas na própria essência do homem.

E qual é a essência do homem?
Vemos em Gênesis 1:26  E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.

Se somos; criados conforme a semelhança de Deus nossa  essência é exatamente tudo que ele nos orienta a ser  como um bom e cuidadoso criador nos tem deixado um manual a seguir repleto de conselho sobre ética e cidadania.
Agora resta a nós voltarmos a esta essência lembrando que Deus não é religião e evangelho não é patrimônio de religiosidade e sim um grande manual para transformar uma sociedade corrompida. 
Fontes de pesquisas: